Levei por trás.



Ola, tenho 40 anos, alto, magro, boa pinta e até então hetero, sou casado com mulher e temos uma vida boa, tanto sexualmente como parceiros na vida. Ela não sabe, mas sempre tive uma curiosidade em ter algum contato homo, mas sendo passivo. Desde adolescência tenho vontade de punhetar alguém e chupar, mas, não tinha muita vontade de dar minha bundinha linda.
Quando resolvi fazer um curso de 4 dias à trabalho em uma cidade distante não tinha a intenção de fazer nada fora do comum, até pq iriam ter colegas de serviço no mesmo curso e hotel. Já no 1° dia de curso conheci um homem de cerca de 35 anos e muito simpático chamado Fábio, convidou algumas pessoas para um happy hour e quase ninguém aceitou, eu acabei aceitando mais por educação do que por vontade de ir. Pois bem, chegamos a um barzinho, bastante animado e com todo tipo de gente, depois de algumas na cabeça o Fabio começou com uma conversa estranha, perguntando se eu já tinha saído com homem e tal. Disse que nunca tinha saído e ele já emendou se tinha vontade. fiquei meio sem jeito e perguntei pq ele estava perguntando isso. Na lata ele me falou que tinha achado minha bunda bonita e meu corpo era legal e que se eu quisesse ter uma experiencia diferente ele estaria a disposição. Quase sai e fui embora, mas a curiosidade falou mais alto, e disse que tinha vontade mas nunca tive oportunidade, ai ele falou que oportunidade não se deixa passar, e foi ao banheiro, em segundos veio uma foto do seu pau na meu whatsapp, era grosso, cheio de veias e com uns 17-18cm. Fabio é o tipo de cara que cuida do corpo então não tinha barriga saliente e pela foto depilava bem a região da virilha, e confesso que fiquei balançado com a foto, em 10 minutos ele voltou e perguntou se tinha curtido a foto, falei que nunca tinha visto uma rola dura ao vivo além da minha e que tinha achado a dele bem bonita, nessa hora ele ja tinha pago a conta e me chamou quase dando uma ordem p irmos p carro.
Não sei explicar mas já sai me achando uma presa, chegamos no carro que estava estacionado em uma rua lateral e sem movimento, eu ja falei que não curtia homens mas tinha curiosidade em pegar numa rola mas não queria beijos e etc. sem falar nada, ele pegou minha mão levou na pau dele e falou p eu abrir o ziper e tirar ele p fora, hesitei um pouco e ele falou com mais firmeza:
- Vamos logo, não quer segurar uma rola ? é a sua chance;
coloquei o pau dele p fora e fiquei alisando ele e batendo uma leve punheta, quando ele falou firme comigo de novo;
- Vamos, bate essa punheta direito, não temos a noite toda;
comecei meio timidamente a bater uma punheta e ele fechou os olhos e começou a gemer baixinho falando que estava gostoso e que minha era macia e gostosa, nessa hora eu me achei, não sei explicar mas fiquei orgulhoso. Ele colocou a mão no meu rosto fez uma leve carícia e pôs o dedão na minha boca, não sabia o que fazer e comecei a chupar o dedo dele, ai sim ele gemeu gostoso e comecei a chupai o dedo dele com mais gosto, ficamos assim por um tempo e o pau dele ja estava escorrendo um liquido pré gozo quando de repente ele me deu um leve tapa na cara e falou me ordenando:
- Agora vem aqui meu quase viado, vem chupar minha piroca vem, fiquei meio sem reação e ele segurou minha nuca e foi puxando minha cabeça e eu cedi e fui em direção a aquele pauzão, quando toquei meus lábios na rola ele deu um gemido e abri a boca, coloquei um pouco na boca e lembrando dos boquetes que recebi passei a lingua bem de leve na cabeça e no corpo do pau e ele gemeu alto e me xingava de casado viado, que iria encher minha boca de porra e eu adorei ouvir aquilo ai do nada ele segurou minha cabeça e meteu o rola dele toda na minha boca, engasguei e quase vomitei na hora, e ele ficou rindo se ajeitou no banco e falou vem aqui me mamar e deixa eu alisar sua bunda, nessa hora eu ja estava entregue a ele e fiquei chupando ele e sendo alisado. Nessa hora percebemos que o manobrista do barzinho estava percebendo o que estava acontecendo e ficava olhando p carro e cutucando um garoto que estava com ele, e de vez em quando o moleque disfarçava e ia perto do carro ver se conseguia enxergar algo, ai o Fabio me convidou p sairmos dali, pedi p ele me deixar no hotel e saimos, no caminha ele entrou no 1° motel e fomos p uma suite.
Mal entramos e ele tirou a roupa e falou comigo bem firme:
- Olha aqui, não me importo se vc ja chupou ou deu o rabo alguma vez, mas hoje vc só sai daqui com cu sem as pregas.!!!!
Fiquei meio em choque pq não esperava isso e tentei falar q não tinhamos combinado isso, e ele pegou o celular e tirou 1 selfie que aparecia eu no fundo e ja emendou, ou faz tudo o que mandar ou a foto vai p o grupo. Disse a ele que faria sem e que ele não precisava disso e que estava curtindo, nisso ele manda eu falar p ele que eu estava curtindo chupar o seu pau, fiz o que ele pediu e ele mandou eu tirar a roupa e desfilar p ele, tirei a roupa mas não queria fazer nenhum show, ele veio até mim e falou no meu ouvido:
- Conheço seu patrão e ele sabe que eu como todos os caras que saio, se eu disser que vc estava comigo ele ja vai sacar que te enrabei e vc virá piada no serviço.
tirei minhas roupas e ele mandou eu caminhar rebolando pela suite, tomar banho e lavar bem meu cuzinho, enquanto falava que eu tinha um corpo bonito e seria o viadinho dele essa noite, e mandava eu repetir q ele seria meu macho. Quando falei que era virgem o cara endoidou, sério que vc é cabaço ? Fala p mim então viadinho, vai perder o cabaço hoje ? e eu ficava repetindo que hoje seria descabaçado pelo pauzão dele.
Voltei do banho ele ja estava deitado com o pau duro, mandou eu deitar de bruços e começou a massagear minhas costas e foi descendo, chegou na minha bunda passou um creme e foi massageando, eu fiquei maluco de tesão, gemia igual uma putinha e dava leves reboladas, de repente ele passou a lingua no meu cuzinho, nossaaaaaaa que tesão, ele percebendo ficou um tempo lambendo meu rabo e perguntando se estava gostando e eu nem via mais nada e ele abriu um gel passou no dedo e enfiou em mim, dei um pulo e ele me acalmou dizendo p relaxar, ficou brincando um pouco e colocou mais 1 dedo e eu me acostumando, ai ele veio p perto de mim e deu a rola p eu chupar, fiquei chupando e levando dedada no cu quando percebi q ele tentava enfiar 3 dedos e conseguiu, ficou metendo e tirando os 3 dedos rápido e eu estava quase gozando com os dedos no cuzinho e o pau dele na boca.
O Fabio parou tudo, tirou os dedos do meu rabo e o pau da minha boca, olhou nos meus olhos e disse que se eu quisesse parávamos por ali e ele gozaria no meu rosto, e que ele não iria contar a ninguém pq não era má pessoa e não queria me prejudicar, eu disse que eu estava adorando me sentir a putinha dele e se ele quisesse continuar por mim tudo bem. Os olhos dele brilharam, e eu me achei, ele foi até o meu celular e pediu p eu desbloquear, falou q iria tirar algumas fotos e que depois se eu quisesse eu apagava ou mandava p ele, topei na hora e ele pediu p eu deitar de bruços e fez varias fotos minhas de 4, abrindo a bunda, deitado com a bunda empinada, fez um vídeo me chamando de casado viado que seria descabaçado e coisas do tipo, vi ele calmamente colocar uma camisinha e passar um gel gelado no pau e no meu cuzinho, me arrepiei e ele deitou em cima de mim tentando penetrar, no inicio não entrava e quando entrou senti uma dor horrivel e dei um berro (os quartos ao lado devem ter escutado com certeza), ele me acalmou e parou de meter, ficou parado um tempo e começou a meter bem devagar indo e voltando, doia bastante mas estava acostumando, ele ia falando no meu ouvido que meu cuzinho era apertado e que estava adorando me descabaçar, ai dei o dedão p eu chupar de novo e eu meio que esqueci da rola no cu e comecei a chupar o dedo dele, quando percebi ele tinha metido tudo no meu cu e senti ele se encaixando na minha bunda, e nessa hora ja não sentia mais dor mas ainda era estranha a sensação, ele endoidou, metia mais rápido e me xingava de um monte de coisa, viado, putinha, que amanhã ia lembrar dele ao me sentar, e eu comecei a gostar quando de repente ele meteu mais forte e segurou na minha cintura e gozou urrando, "pqp que cuzinho gostoso". Me senti A putinha, ele saiu de dentro e senti um vazio no meu cu enorme, rola dele ainda meia bomba e a camisinha cheia, eu virei e ele falou;
- Vai tomar banho viadinho arrombado, ja consegui o que eu queria e agora vamos embora.
Fui p banheiro e me senti um pouco humilhado e usado, ele veio logo atras, falou que ia me ajudar no banho e começou a me esfregar, como eu nao tinha gozado estava com tesão novamente e ele foi ficando de pau duro de novo, mandou eu ajoelhar e chupar ele, ficamos ali um tempinho e voltamos p quarto, ele pegou o celular e começou a filmar eu mamando ele e falava p eu repetir quem era o dono do meu cuzinho, eu falava que era ele, de quem eu era viadinho e eu repetia que era o viadinho dele, eu estava adorando quando ele perguntou se queria porra na boca ou no rosto, nem respondi só continuei chupando, ele segurou minha cabeça e sem falar nada encheu minha boca de porra, tentei cuspir mas ele segurou e eu engoli quase tudo, tirou a rola e ficou batendo na minha cara toda melada de porra e ficava rindo e falando que agora eu era um viado completo. Levantei e ele mandou eu tomar um banho e bater uma punheta p gozar, fui p o banheiro quietinho e fui bater uma, ele voltou e ficou me filmando e deu o dedo p eu chupar de novo e gozei rapido, nos vestimos e fomos embora, no caminho ele perguntou se eu tinha curtido e falei que tinha sido a melhor foda da minha vida e que não sabia como faria daqui p frente. Chegeui no hotel e mandei algumas fotos p ele e apaguei o restante, e fiquei assistindo o video dele me descabaçando, ele colocou o celular p filmar nossa transa, sai com ele todas as noites que fiquei lá, meu patrão desconfiou e ficou jogando uns verdes mas ai é outra história.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook

Comentários


foto perfil usuario engmen

engmen Comentou em 03/04/2024

Quando o desejo já existe, mesmo dormente, basta ter as condições certas para aflorar. Quem gosta da coisa sabe bem... Gostoso conto!

foto perfil usuario ksn57

ksn57 Comentou em 03/04/2024

Votado ! Depois da primeira, vem todas as outras, e já mais fáceis...

foto perfil usuario surfistagostoso

surfistagostoso Comentou em 03/04/2024

Delici de eperiência heimmmm...quero sentir seu rabo guloso

foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 02/04/2024

Sortudo! S2 Betto o admirador do que é belo S2




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


194244 - Finalmente enrabado - Categoria: Travesti - Votos: 29
148716 - Realizei minha fantasia - Categoria: Fantasias - Votos: 18
135281 - Torcicolo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 43
60266 - Adoro... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
53153 - Corno...!!! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
47747 - DP... - Categoria: Fantasias - Votos: 8
46747 - Encontrando o ex dela..! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
45684 - Libera a esposa...da nisso mesmo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 28
43995 - Realizada... - Categoria: Fantasias - Votos: 22

Ficha do conto

Foto Perfil casadospbro
casadospbro

Nome do conto:
Levei por trás.

Codigo do conto:
212311

Categoria:
Fantasias

Data da Publicação:
02/04/2024

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
0