MEU SEGUNDO MACHO

Estou contando a historias fora de ordem conforme me vêm a cabeça.
Ja contei para vcs na serie muito bem casada, como meu marido me introduziu nesse mundo da putaria e da sacanagem. essa historia é a sequencia daquela serie.
Ocorre que a gente nao vira essa putinha que eu sou hoje de uma hora para a outra. eu comecei a trepar com carlos e ele me bastava era um macho maravilhoso que fazia coisas comigo que eu jamais havia imaginado. Só que o sacana do meu marido queria mais, não bastava para ele eu trepar com o melhor amigo dele ele queria outros machos para mim e vivia tentando me convencer a transar com mais machos.
como eu nao queria eles resolveram aprontar comigo. eles sim, pq carlos tbm estava envolvido nessa historia. hoje eu entendo o carlos. eu exigia demais dele queria trepar direto com ele, estava apaixonada pela pica dele, queria muito sexo, carlos tinha uma esposa, filhos e varias amantes para dar atenção. e eu pegando pesado com ele foi demais e ele resolveu me passar para outro. nao bastava ser outro qualquer ele sabia que tinha que ser um macho tão bom ou melhor que ele, para me satisfazer e eu parar de pegar no pe dele.
Vamos lá. Nós moravamos em floripa e alugavamos uma casa em uma praia em uma cidade proxima, para passar finais de semana, tbm no litoral. eu gostava de ir la trepar com carlos e os moradores desse lugar estranhavam que as vezes eu chegava lá com carlos, as vezes com meu marido e as vezes com os dois. eles desconfiavam que tinha sacanagem nessa historia, mas isso é outro conto.
Em um sabado pela manha fomos para lá eu meu marido e carlos. meu marido nao quis ficar assistindo a foda e saiu para caminhar e comprar peixe. pouco depois bateram na porta e carlos brincou que o corninho nao tinha resistido e voltou para assistir, eu disse que provavelmente era ele e que ele nao tinha levado chave. carlos foi abrir a porta pelado e voltou assustado dizendo que nao era meu marido mas sim webber um colega de trabalho de ambos que estava na porta.e que ele tinha atendido ele pelado. paramos de meter e ficamos observando e ele ficou na parte externa da casa. eu torcia para ele ir embora mas ele continuava lá. webber é um alemaozao, branquelo, muito alto, forte, um pouco corpulento, falastrao, brincalhao, fofoqueiro daquele tipo que fala as verdades brincando.
logo meu marido retorna e os dois se encontram, batem na porta e eu desconcertada vou abrir. os dois entram e meu marido explica que ele deu uma saida para comprar peixe e eu havia ficado na casa com carlos. e o falastrao:
- trancadinhos ai dentro, né?
- meu marido inventou uma desculpa de um assalto que havia ocorrido, mas o linguarudo continua:
- nada como um amigo ficar bem a vontade na casa do outro né?
- meu marido mudou de assunto e convidou ele para almoçar com a gente. era tudo que eu nao queria, mas fazer o que.
perguntei o que ele estava fazendo ali naquela praia deserta e ele falou que havia vindo visitar um cliente e estava passando e viu nosso carro e resolveu fazer uma visita.
estava morrendo de raiva e de vergonha.
ele pediu para conversar a sos com meu marido e sairam no quintal, conversaram durante um tempo e logo meu marido vem conversar comigo assustado. ele falou para meu marido que pegou eu transando com carlos, mas meu marido falou para ele que sabia de tudo. ele falou que queria participar tambem, meu marido disse que não odia fazer nada quanto a isso, quem decidiria seria eu, mas ele ameaçou abrir o bico e falar para todos. ele queria passar somente uma tarde comigo iriamos conversar e se nao rolasse nada tudo bem. ele só queria uma chance comigo. eu disse que por mim tudo bem, eu nao queria nada com ele mesmo. então eles poderiam marcar quando ele quisesse.
marcamos para o dia seguinte, ele passaria na minha casa e iríamos juntos ate a casa de praia, uns 20 e poucos km de distância. no caminho ele elogiava minha beleza, falava da importancia de aproveitar a vida e fazer coisa que dêem prazer.
tambem falou de carlos e suas amantes. eu sempre soube que ele era fodedor, ele não ligava, mas ultimamente ele estavaum pouco afastado de mim, uitas vezes inventava desculpas e nao me fodia mais com a frequencia de antigamente. falava tambem que ele era mais tranquilo e que me daria bastante atençao. fui refletindo em tudo que ele falou e cheguei na casa em duvida se foderia com aquele machoou não. ele estava com uma bermuda justa e observei que ele tinha um bom volume sobre as calças.
na casa o assedio aumentou ele dizia que eu era uma mulher de sorte, tinha um marido que me liberava para ser feliz e que eu nao deveria desperdiçar as oportunidades. que meu marido as inves de de ficar puto com o chifre ficava feliz e que ele ficaria muito satisfeito em saber que nós haviamos nos entendido (fodido). ele foi se aproxoimando de mim enquanto falava e ja estavamos bem proximos um do outro. senti a mao dele acariciando minhas pernas e não reagi, quando vi estava sendo beijada por aquele macho guloso. ja estava cheia de tesao e cedi. a mao dele ja acariciava minha bucetinha e eu ja entregue comecei a me despir, tirei a blusa e ofereci meus peitos para ele, que caiu de boca e começou a chupar, praticamente arrancou o short e a calcinha e eu lembrei que a casa estava aberta e os vizinhos eram curiosos, ao fechar a porta notei que estava sendo observada por um vizinho. quando voltei o macho ja tinha tirado a roupa e eu me surpreendi com uma bela pica, menor que a de carlos, mas mais grossa, bem branquinha, com uma cabeça em forma de cunha do mesmo calibre que o corpo. comecei a beija-lo e agarrei aquela pica e fiquei punheteando, logo estava durinha e resolvi chupar, ele se sentou no sofa e fiquei chupando bem gostoso, beijava, lambia ela inteirinha da cabeça ate os ovos e engolia o tanto que dava. ele forçava minha nuca em direçao a pica para me fazer engolir mais. ele ficava acariciando minha xana e eu ja estava toda melecadinha. fomos para a cama e me ditei sobre ele fazendo um delicioso 69. webber chupava bem pra cacete, ficava brincando com meu grelinho com a lingua e quando enfiava era para valer, metia toda aquela lingua enorme nela e eu acabei gozando. ele continuou me fazendo carinho e preparando para me foder enquanto eu me recuperava. me colocou na beirada da cama e ficou em pe e começou a meter a pica dele entrava suavemente e ele metia com habilidade. colocou uma perna sobre a cama e me puxava em direçao a pica dele enquanto enfiava a pica ainda lentamente. botava tiudo em mim e ficava brincando com ela la dentro, mexendo o quadril dele e o meu no mesmo ritmo. eu estava louca com aquele macho. me colocou de 4 e continuou a cravar a rola na minha xana. gozou e me fez gozar de novo, mas ele queria mais. o segundo tempo prometia ser melhor que o primeiro. ele me pos de lado na beira da cama, levantou uma perna minha e ficou de pe cravando, ele gostava de posições diferentes. havia uma poltrona do papai (que finalmente eu achei uma utilidade) no quarto ele reclinou e se deitou e me colocou sobre a pica dele e eu fiquei fazendo agachamento sobre a rola dele, me virou na poltrona e ficou sobre mim por tras fodendo minha bocetinha. o macho trepava muito e eu estava feliz. me levou novamente para a cama e falou que sabia que eu gostava no rabinho - e eu pensei "FDP do meu marido"- eu tentei resistir e pedi mais na frente, ele concordou mas disse que ia querer o rabinho tbm. tentei dar uma canseira nele e fiquei sobre ele de cocoras, entrrava facil e gostoso. me sentei na vara dele e gozei num gostoso galope. eu estava cansadinha mas o macho queria meu rabo. Perguntou onde estava o KY - eu pensei de novo: "FDP do meu marido"-, indiquei a gaveta e ele começou a passar gostosamente no meu cu aproveitava e enfiava o dedo medio nele e eu me arrepia de tesao e medo. pedi para ele ser jeitoso e ele me mandou ficar tranquila. a cabeça nao era grande e entrou tranquilo, mas a pica era grossa e conforme ele ia enfiando is causando incomodo (nao dor), cravou tudo em mim e começou a bombar lentamente e eu ja estava me masturbando louca de tesao e ele metia com disposição e cuidado ele aumentava o ritmo e eu estava a beira do gozo quando webber tambem gozou. tirou a rola e gozou nas minhas costas.
estava mortinha de tanto trepar, ja era hora do almoço e saimos a pe para comer em um restaurante proximo. notei que atraíamos alguns olhares curiosos, mas pensei são estranhos e eu estou feliz e nao estou nem ai. Nessa epoca eu ja estava com meu lado exibicionista em evolução e desfilei rebolando ao lado daquele macho gostoso. depois do almoço voltamos para casa e demos uma trepadinha basica (eu estava cansada). e fomos embora. eu e macho felizes. quando chegamos em casa meu marido nao precisou perguntar nada. deduziu pelo tempo e pela minha expressao de felicidade, me abraçou e me beijou gostosamente. eu amava quele homem.
pretendo contar na sequencia algumas historias gostosas que vivi naquela epoca. foi minha iniciaçao no mundo da sacangem e da putaria.            
   


Foto 1 do Conto erotico: MEU SEGUNDO MACHO

Foto 2 do Conto erotico: MEU SEGUNDO MACHO


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook

Comentários


foto perfil usuario goncalencesex

goncalencesex Comentou em 13/10/2016

Um cara de sorte de ter uma putinha como vc!

foto perfil usuario doidu

doidu Comentou em 14/09/2015

Estou virando seu fã que mulher!!!!!!

foto perfil usuario erossexoeros

erossexoeros Comentou em 07/09/2015

Muito bom e você é linda. Um grande beijo e votado




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Ultimos 30 Contos enviados pelo mesmo autor


213103 - Fodendo a vontade em Porto Seguro II - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 17
213089 - Fodendo a vontade em Porto Seguro - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 18
213078 - O negão superdotado me comeu na roda gigante - Categoria: Heterosexual - Votos: 16
213029 - Iniciei meu sobrinho - Categoria: Heterosexual - Votos: 22
212913 - Nem sei que nome dar para esse conto - Categoria: Fetiches - Votos: 26
212903 - Fodendo com o mendigo (falso) - Categoria: Fantasias - Votos: 5
212890 - Meu marido comeu a diarista - Categoria: Heterosexual - Votos: 19
212882 - Erikinha a professora 2 - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
212858 - Erikinha a professora - Categoria: Fetiches - Votos: 8
212852 - Erika na zona 2 - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
212848 - Fodendo com o motorista do ônibus - Categoria: Fantasias - Votos: 12
212843 - Erikinha na zona - Categoria: Heterosexual - Votos: 11
212835 - A mulher do macho foi na minha casa. - Categoria: Heterosexual - Votos: 12
212825 - Peladinha no estádio - Categoria: Exibicionismo - Votos: 14
212820 - Festas na chácara 9 - peguei dois virgens 2 - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 6
212801 - Festas na chácara 8. - peguei 2 virgens - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 11
212799 - Conto não erótico - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
212788 - Seu Euclides - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
212766 - Na estrada com Hugão 3 - a volta - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
212765 - Na estrada com Hugão 2 - Sorriso - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
212755 - Na estrada com Hugão 1- a ida. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
212721 - Despedidas de solteiro. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10
212702 - Trepando com você izinho negro tesudo - Categoria: Interrraciais - Votos: 8
212699 - Transando na carroceria da amarok - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 7
212681 - Aventuras com Hugão e amigos - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 9
212680 - Trepando no posto 2 - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10
212656 - Festas na chácara 7 - o troco - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 6
212649 - Festas na chácara 6 - fodendo com o piscineiro parte 2 - Categoria: Heterosexual - Votos: 13
212648 - Festas na chácara 5 - fodendo com o piscineiro. - Categoria: Heterosexual - Votos: 9
212645 - Festas na chácara 4 - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil erikinha
erikinha

Nome do conto:
MEU SEGUNDO MACHO

Codigo do conto:
70389

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
06/09/2015

Quant.de Votos:
23

Quant.de Fotos:
2